Como tornar as reuniões e encontros com os pais ainda mais eficazes com o uso do aplicativo

Conheça as funcionalidades do aplicativo de comunicação escolar, como o módulo compromissos e a função de confirmação de eventos, que garantem mais envolvimento e comprometimento dos pais

Quão eficazes e engajadoras têm sido as reuniões realizadas entre o seu colégio e os pais? Os professores sentem que têm envolvido e cativado as famílias? Por sua vez, os clientes do colégio sentem que estão sendo ouvidos?

Oportunidade única de estreitar o relacionamento entre a instituição e as famílias, as reuniões presenciais são essenciais, mas, aos poucos, também têm deixado de acontecer nos métodos mais tradicionais. As transformações no segmento educacional e as próprias mudanças nas configurações da sociedade estão tornando os encontros com os pais uma tarefa cada vez mais desafiadora para todos os envolvidos.

O tema engajamento das famílias, inclusive, é frequente no Blog do IsCool App, como já vimos nesta matéria.

Colégio pode contar com a ajuda de ferramentas e funcionalidade

Munida do aplicativo de comunicação escolar, a instituição ganha novas estratégias na hora de organizar, garantir presença e engajar os pais. Além das diversas funcionalidades que reforçam a comunicação no dia a dia, como a troca de mensagens, o feed de notícias e o canal de atendimento segmentado, o colégio pode também contar com o módulo compromissos e o calendário de eventos com a funcionalidade da confirmação de presença.

Presente no IsCool App, o módulo compromissos permite que o colégio ofereça aos pais uma agenda com diferentes horários e datas para atendimentos personalizados com áreas específicas, como atendimento pedagógico, financeiro ou até com os professores no tratamento de algum assunto particular. O interessante é que o próprio pai pode escolher o horário que melhor atender à sua agenda. Vantagem para os pais e também para os colégios.

Confira pelo menos 4 dos principais benefícios garantidos com esta e outras ferramentas do aplicativo de comunicação ligadas ao engajamento dos pais em encontros presenciais:

  • Atendimento personalizado

As reuniões de pais em grupo ainda acontecem e têm sua eficácia para determinados assuntos, como avisos gerais e a construção de decisões em conjunto. Inclusive, há colégios que contam com as reuniões coletivas em seus calendários anuais que são um verdadeiro sucesso de engajamento e networking entre os pais.

Entretanto, seguindo uma tendência que tem agradado em cheio às famílias, os compromissos individuais têm ganhado mais força, isso porque fazem com que o pai não se sinta constrangido com alguma informação sobre o aluno. Sem contar que também atende a agenda dos envolvidos em assuntos pedagógicos, financeiros e mais específicos.

Se o evento é coletivo, o colégio pode solicitar confirmação de presença. Se a reunião é particular, o responsável recebe as opções de datas para escolher a que melhor se adequa à sua agenda.

Que pai não sente mais confiança e satisfação com a escola quando sabe que é ouvido e que ganhou um horário só para ele para poder tratar da vida escolar do filho?

  • Mais organização para os pais e colégios

Com o poder de escolha, o pai garante mais organização em sua agenda de compromissos. O colégio, por sua vez, pode se organizar melhor desde o planejamento, de acordo com a agenda do professor e a disponibilidade do coordenador, até o fechamento dos horários pelos pais.

Os dados são recebidos de maneira automática e coordenada, diretamente na plataforma digital. Sem contar que é possível delimitar um período para que os usuários façam a escolha, levando um senso de urgência ao processo de maneira geral.

  • Sincronia com o calendário do celular

Para facilitar ainda mais a visualização do compromisso pelo usuário e não correr o risco de que a data seja esquecida por ele, o agendamento vai direto para o módulo calendário, outra função de grande importância para o calendário pedagógico anual.

Uma vez no calendário do app, o compromisso também pode ser sincronizado com o calendário de celular, reforçando ainda mais a importância do comparecimento ao colégio no dia e horário agendados.

  • Confirmação de presença e notificações

No módulo calendário, é possível pedir a confirmação de presença dos pais e garantir que todos compareçam ou que a escola se prepare adequadamente de acordo com o número de pessoas confirmadas para cada evento.

É possível, ainda, que o colégio crie notificações referentes a este compromisso no calendário, alertando para o agendamento e sua proximidade. Um recurso extra que, certamente, pode auxiliar os pais com dia a dia mais concorrido.

Saiba mais

Se quiser conhecer mais sobre o funcionamento dos módulos compromissos e calendário, entre em contato com o IsCool App e faça um teste com a ferramenta.

Engajamento familiar: os desafios continuam

Pesquisa aponta que mais da metade dos pais brasileiros não interage com a escola e a rotina escolar dos filhos; revisão de conteúdo divulgado na plataforma de comunicação e empoderamento dos pais surgem como itens no planejamento escolar 2019

O advento das tecnologias educacionais trouxe inovação para o processo de comunicação dos colégios com as famílias, criando plataformas pedagógicas que estimulam a interação e canais diretos para a troca de informações com os pais. Mas apesar de poder escolher entre uma infinidade de ferramentas, muitas escolas ainda encaram uma barreira quando o assunto em pauta é o engajamento do seu público.

Ao que tudo indica, o engajamento dos pais continua sendo um grande desafio para os colégios em 2019, muito pela rotina eletrizante imposta pelo modelo de sociedade, muito pelos próprios percalços vividos no âmbito da gestão de um colégio. Assunto sério para as escolas que sentem, na prática, o desempenho superior de aprendizagem em alunos cujos pais são mais participativos.

Pesquisa Varkey

Uma pesquisa realizada pela Fundação Varkey, instituição que trabalha pela educação de qualidade global e cuja sede está em Londres, entre outras constatações sobre qualidade de ensino, aponta números aquém no que se refere a engajamento dos pais da vida escolar de seus filhos. O documento contabiliza a opinião de 27 mil pais em 29 países durante o período de dezembro de 2017 a janeiro de 2018.

Só no Brasil, cerca de mil pais de crianças entre 4 a 18 anos de idade foram entrevistados e um dos resultados que mais chama a atenção é a terceira colocação no ranking quanto ao engajamento: 46% dos pais brasileiros sentem que não dedicam tempo suficiente para ajudar os filhos no processo de aprendizagem.

Em países como a Alemanha, Espanha e Rússia, por exemplo, apenas 20% dos pais apontam que poderiam se dedicar mais aos estudos dos filhos.
De modo geral, entre os motivos pelo não-engajamento, 52% dos pais no mundo dizem que não têm tempo para se dedicar à vida escolas dos filhos e 32% dizem que não ajudam porque há uma falha de informação do colégio sobre como eles poderiam ajudar.

Empoderamento do pai

Os números confirmam que os pais se sentem culpados pela rotina agitada que levam e que se cobram dessa participação. Por outro lado, há também a informação de que poderiam fazer mais caso fossem estimulados, uma missão e tanto para os colégios, que nem sempre conseguem criar um diálogo fluido com os pais.

Na opinião de Melanie Mangels Guerra, mestre em educação e diretora do curso de graduação em pedagogia da Faculdade Rudolf Steiner, o segredo está no empoderamento dos pais, ou seja, um diálogo aberto em que escola, pais e alunos tenham seus papéis e suas responsabilidades bem delineadas.

“Os problemas precisam ser resolvidos de forma madura. A partir do momento em que você mantém um diálogo de confiança e de forma mais aberta, mostrando, por exemplo, o que você está fazendo e trazendo o pai para compreender isso, você consegue ali um aliado. A escola e as famílias precisam se respeitar e compreender o que o outro está fazendo. A escola precisa contribuir empoderando o pai e o pai precisa contribuir com a escola, porque nós também aprendemos no processo educativo”, afirma Melanie.

No empoderamento dos pais e na busca por um diálogo de confiança, o maior beneficiado é o aluno, que não precisa se preocupar com questões burocráticas e nem tomar atitudes de adulto em casos de conflito. “Quando o pai e a escola estão se responsabilizando, o aluno ganha porque tem a liberdade para um caminho de formação. Ele pode se ocupar de brincar e está em harmonia para se desenvolver”, reforça Melanie.

Projeto engajamento

E no seu colégio, como tem sido trabalhado o diálogo? O nível de engajamento dos pais é satisfatório? Quais ações vocês pretendem tomar para inovar nesta aproximação com as famílias?

Pesquisas revelam que quanto mais participativos os pais, melhor o rendimento dos alunos. Aqui mesmo, no blog do IsCool App, engajamento é um tema constante. Nesta matéria, por exemplo, mostramos como estratégias simples têm garantido resultados importantes para alguns colégios.

Envolvida no sistema Waldorf de educação há mais de 15 anos, Melanie conta que o desafio é pensar como trabalhar com os pais no dia a dia e que, entre as melhores soluções, estão ações simples de colaboração, como momentos de conversa, palestras, ajuda na horta da escola ou na construção de brinquedos manuais, passeios de bicicleta e até acampamento de pais e alunos. “Os pais têm a sua responsabilidade e não simplesmente entregar seu filho na escola, ele vai ser parceiro. Assim, toda a comunidade ganha”, diz.

Comunicador como aliado

Com criatividade e um bom planejamento, é possível repensar os projetos de engajamento e estimular os pais de maneira mais atrativa, mas é importante lembrar que uma boa comunicação é a base dessas transformações. Começar a mudança pelo uso mais assertivo do comunicador pode ser uma boa ideia.

A maioria das escolas já conta com um aplicativo de comunicação escolar, mas muitas ainda sentem que os pais não respondem a ele da maneira desejada. Muitas vezes, porém, é preciso rever o plano de comunicação e entender o que pode ser melhorado.

Abaixo, listamos alguns exemplos de ações realizadas pelos colégios e que podem estar implicando em uma comunicação mobile menos efetiva:

  • Uso de mais de uma ferramenta de comunicação, como a agenda física ou o envio de conteúdo duplicado por e-mail;
  • Frequência de postagens e conteúdo baixa ou alta demais, gerando pouco interesse por parte dos pais;
  • Subutilização das ferramentas do app, que traz funcionalidades importantes como calendário, assinatura de documentos, boletins de notas e faltas, entre outros;
  • Conteúdos genéricos – uma vez que os pais se interessam por informações que dizem respeito ao seu filho;
  • Falta de unificação dos serviços, levando o pai a acessar o app e mais o portal ou outros links para conseguir.

A utilização do app escolar traz mais segurança para o processo de comunicação e evita os famosos problemas com grupos de chats gratuitos dos pais. Porém, ele se transforma em uma ferramenta ainda mais poderosa se o conteúdo disponibilizado aos pais for relevante e fluido.

Mais

Acompanhe outras dicas sobre engajamento e qualidade do conteúdo em outras matérias do Blog IsCool App clicando aqui.

9 dicas de endomarketing para aplicar em seu colégio

Direto do mundo dos negócios para a sua escola, conheça algumas das técnicas de comunicação interna e marketing que podem ajudar a engajar seus professores e colaboradores

Endomarketing na escola_IsCool App

Em sua missão de oferecer o melhor resultado em educação e formação para a vida, os colégios focam suas ações nos alunos e no engajamento deles em sala de aula. Mas você, coordenador ou diretor, já parou para pensar nos projetos desenvolvidos para engajar os próprios professores e demais colaboradores?

Se a resposta é sim, então já ouviu falar de endomarketing, termo utilizado para projetos e campanhas de marketing voltadas para o público interno. Além do mais, também sabe que ele pode (e deve) ser implantado em sua instituição.

Agora, se a resposta é não, então a dica é acompanhar ao longo dessa matéria alguns exemplos de como se beneficiar dessas ações e construir um grupo de funcionários que veste a camisa e ajuda o colégio a conquistar seus mais ousados objetivos.

 

O que é endomarketing, afinal?

O endomarketing é uma ferramenta estratégica e de gestão. Entre seus muitos benefícios estão: comunicação mais clara, divulgação de boas práticas, despertar o interesse dos colaboradores, atrair profissionais e conquistar mais credibilidade, fortalecendo sua marca.

“Infelizmente ainda são poucas as empresas que utilizam-na de forma mais efetiva e assertiva, o foco de muitas delas ainda está preso na comunicação mais simplificada, sem visão estratégica para o negócio como um todo e sem geração de valores”, explica Débora Santos, diretora de RH da Enforce Group e especialista em projetos de endomarketing.

Ainda para ela, o endomarketing pode ser o segredo do sucesso de grandes corporações e das famosas startups: “É notável que empresas multinacionais, algumas nacionais de grande porte e as startups estão mais inseridas neste universo do endomarketing, pois compartilham de uma visão mais evoluída e descentralizada, que as tornam diferencial no mercado“.

 

O endomarketing nas escolas

Apesar de ter origem em grandes ambientes corporativos, a técnica não se restringe a um ramo específico. “A área da educação tem várias formas de utilizar a ferramenta para gerar resultados significativos para o negócio, processos e pessoas. Pode-se utilizar a ferramenta em ações de integração entre os profissionais, incentivar a participação em soluções de problemas e ações para o negócio, etc.”, expõe Débora.

 

Inicie ou renove seu projeto de endomarketing com 9 dicas:

1) Comece pelo básico

Dentro do ambiente escolar, a prioridade é sempre para ações voltadas aos alunos e pais de alunos e pouco material sobre o assunto é encontrado. Por isso mesmo, quando pensar em comunicação interna, a dica é começar pelo básico, pois a novidade pode estar justamente aí. Segundo a especialista em endomarketing e autora do livro “Sorria, você trabalha aqui”, Analisa de Medeiros Brum, trabalhar o básico em comunicação interna consiste em três pilares: transparência, qualidade e afeto. Com esse conceito, qualquer projeto será inovador e trará bons frutos.

 

2) Tenha um canal de comunicação exclusivo

Foque as mídias sociais tradicionais no seu público externo, com conteúdo de marketing que atraia olhares dos atuais clientes e clientes em prospecção. Para seus colaboradores, tenha um canal próprio e de acesso exclusivo de comunicação interna. Os jornais corporativos ainda trazem resultados satisfatórios, a diferença é que agora eles podem ser apenas digitais. A dica é aproveitar o seu aplicativo de comunicação escolar para construir esse canal, enviando mensagens diretas ou para todo o grupo e incluindo fotos e vídeos para que elas se tornem mais atrativas, como uma rede social interna segura e oficial.

 

3) Dê voz ao líder

O diretor ou mantenedor é o primeiro e principal canal de comunicação interna de uma escola. Se esse líder reúne competências que já cativam seus colaboradores no dia a dia do colégio, como o entusiasmo e a empatia, por exemplo, por que não dar mais voz a ele? O diretor pode estar à frente de pequenas homenagens aos colaboradores, como aniversários, e ainda ter um canal só seu, onde possa transmitir semanalmente mensagens de motivação e reflexão a todos os funcionários.

 

4) Dê voz ao colaborador, principalmente

Antes de realizar qualquer estratégia, tenha em mãos informações importantes sobre seus colaboradores, como comportamento, desejos e ambições. É preciso entender sobre cada particularidade para poder propor estratégias engajadoras de sucesso. Para isso, nada como deixar com que seus funcionários sejam ouvidos, pode ser via pesquisa de satisfação e opinião ou por meio de um canal de comunicação em que eles se sintam à vontade em compartilhar.

Mais que isso, envolva seu time em ações estratégicas importantes, como já vimos na matéria sobre administração participativa e colaborativa dentro das escolas. Somente sentindo que são importantes para empresas e de que têm suas opiniões consideradas, estarão aptos a se engajar.

 

5) Faça com que o colaborador sinta orgulho em fazer parte

Uma matéria sobre o colégio foi publicada no jornal da cidade? A escola participou de um evento importante? Um professor foi homenageado? Estampe a notícia para todos acompanharem e se sentirem parte daquele mérito, sentirem-se reconhecidos. Sempre que possível, transmita ao seu colaborador que o trabalho dele é importante.

 

6) Comunicação visual é tudo

A identificação das cores e do logo do colégio deve estampar os murais, corredores, salas de aula, de reunião e ainda estar presente em detalhes como canetas e até balas personalizadas espalhadas pelo prédio, aumentando assim a chance de interação do funcionário. O cuidado é apenas para não exagerar na poluição visual e acabar fazendo um marketing inverso. Nos comunicados, por exemplo, vale lançar mãos de itens como letras de fontes mais arredondadas e cores em tom pastel, evitando, inclusive, o branco, que pode lembrar distanciamento.

 

7) Eventos são esperados…

Dos pequenos, divididos por setores, aos maiores ou até externos, os eventos ainda são poderosas ferramentas engajadoras. Mas eles precisam ser só deles, dos colaboradores. Invista em comemorações de aniversário de idade e de casa, comemore pequenas conquistas em conjunto, busque treinamentos e crie oportunidade para que seus funcionários estejam em constante capacitação. O setor educacional realiza seminários e congressos constantemente, uma ótima oportunidade de oferecer conteúdo de qualidade a eles, valorizando ainda mais seus conhecimentos.

 

8) … Brindes também

Quem não gosta de receber presente? Sim, os brindes personalizados funcionam, mas distribuir apenas canetas ou presentes de uso do dia a dia escolar pode não ser a melhor saída. Procure inovar, criar novas possibilidades e surpreender quando menos se espera. Lembre-se: inovação não precisa ser necessariamente algo caro e diferente, pode ser um simples benefício. Um desconto na livraria parceira ou um dia de beleza como presente em homenagem ao dia da Mulher também são saídas interessantes.

 

9) Não se esqueça do manual de integração e boas-vindas

Quando um funcionário inicia sua jornada em uma nova empresa, é preciso cuidado especial para transmitir a cultura e, claro, as regras. Quando tudo está muito claro dentro das integrações e do material apresentado, a manutenção é mais simples, por isso, invista em um material mais didático e de qualidade e não se esqueça de calorosas boas-vindas.

Como estratégias simples podem aproximar os pais da escola e da vida escolar do aluno

A presença da família na escola auxilia no aprendizado e no desenvolvimento da criança como indivíduo no mundo, mas provocar esse encontro nem sempre é uma tarefa tão fácil; Veja como ações do dia a dia podem contribuir para o sucesso no engajamento dos pais

IsCool App_Engajamento_app escolar

Alta demanda no trabalho, uma infinidade de novas atividades essenciais para o dia a dia das famílias e um ritmo acelerado… São muitos os obstáculos que tendem a dificultar o envolvimento dos pais na vida escolar dos filhos, tanto que não é difícil encontrar casos em que os adultos se limitam apenas a levar e buscar a criança, sem passar da porta da escola, ou ainda, terceirizam o papel educativo a outros profissionais.

E, apesar de a escola ser um ambiente propício para que as crianças vivam suas primeiras relações sociais fora do círculo familiar, é inegável que a participação dos pais no dia a dia das atividades do colégio impacta diretamente na formação integral do aluno, ou seja, tanto dentro quanto fora da escola: “O olhar amoroso e interessado dos pais é um motor para o desenvolvimento infantil, então, quando a família se interessa pela vida da criança, ela garante seu lugar no mundo, pois sabe que é importante para o outro”, expõe Maria Cristina Trevizan Montingelli, psicóloga e coordenadora de Ensino Fundamental I do Colégio Sion Curitiba.

Com as transformações da rotina familiar, cabe ao colégio trabalhar de maneira cada vez mais criativa a criação de um diálogo efetivo com as famílias, cativando a presença dos pais de forma natural. Algumas ações nunca mudam, como os eventos do calendário escolar, por exemplo, mas, de maneira geral, é preciso rever temas e apostar em aliados, como a tecnologia.

Confira algumas das ideias que têm dado resultado para colégios de norte a sul do país no quesito engajamento.

 

Escola de pais

Tem sempre algum assunto novo do qual gostaríamos de nos atualizar, por isso o oferecimento de oficinas e workshops tem sido uma excelente ferramenta de conexão entre as escolas e os pais. Os temas são os mais variados, indo de saúde, finanças e psicologia infantil a princípios morais e discussão de temas da atualidade. Em alguns casos, os próprios pais têm o direito de opinar, por meio de enquetes e pesquisa, sobre os temas propostos pelo colégio.

No Colégio Sion Curitiba, por exemplo, a fórmula tem proporcionado não só o maior suporte ao desenvolvimento das crianças, como também o fortalecimento das relações entre toda a comunidade de pais: “A proposta encontrada pelo colégio foi a criação de um espaço de diálogo com as famílias em um formato de escola de pais, porém, sem a conotação de ensinar algo, mas de promover a partilha de experiências e a discussão de temas de interesse comum, além do alinhamento com a proposta da escola”, afirma Kátia Beltrami Koppe, pedagoga, mestre em Educação e coordenadora da Educação Infantil do colégio.

 

Novos canais para um diálogo facilitado

Apesar de não substituir a presença física dos pais, que tem grande peso quando o assunto é engajamento, os meios de comunicação digitais são premissas básicas. E, nesse quesito, é praticamente impossível passar despercebido pelas mídias sociais e pela substituição da agenda escolar tradicional pelo aplicativo de comunicação digital.

Os canais de mídias devem ser pensados como uma vitrine que comunica a missão do colégio para a comunidade em que ele está inserido, mas representantes da escola precisam de um plano de comunicação para lidar com uma política de respostas a comentários, por exemplo.

Já o aplicativo de comunicação escolar traz diversas ferramentas que auxiliam nessa comunicação rápida, como envio de comunicados diretos, enquetes, calendário de eventos, facilidade na comunicação direta com determinados setores, alertas e notificações, além de um mural digital para atualizar os pais sobre comunicados gerais.

A base do bom engajamento é a comunicação clara e contínua, que fortalecimento a relação de confiança que os pais têm com o colégio. O bom uso do aplicativo escolar, com controle de conteúdo e segurança da informação, tende a evitar conflitos e facilitar a dinâmica de comunicação.

 

Pai também participa

É sabido que grandes eventos, como feiras científicas, festas temáticas, gincanas e apresentações de final de ano são oportunidades de ouro para promover a presença da comunidade dentro do ambiente escolar. Mas como ir além do calendário de eventos? Uma das respostas é: oferecendo atividades para os pais dentro da sala de aula.

“Atualmente, as escolas têm oferecido atividades extra-curriculares além das propostas no período regular. A promoção de visitas dos pais para melhor acompanhamento das crianças em tais atividades e aulas demonstrativas, permitem a troca com os professores específicos e a observação da criança em situações diferenciadas, que estimulam diferentes habilidades”, exemplifica Kátia.

Colégio Sion Curitiba_Atividade Nossas Férias_família e alunos_Foto Divulgação (2)
Atividade extra-classe do colégio Sion de Curitiba em que os pais participarem na troca de experiências e conteúdo

 

Chamando para o voluntariado

Pense no clima criado pela sinergia entre alunos, professores e pais em prol de uma causa maior, como um evento do colégio. Não é bom ver todos trabalhando em sintonia? Então, que tal criar mais desses motivos ao longo do ano? Cada um com seu talento, as pessoas se sentem úteis em ajudar e estão propensas a se alistarem a causas maiores, como caridade e ajuda à comunidade local, por exemplo.

 

Cada etapa exige um grau de engajamento

Vale lembrar que as ações de engajamento devem estar adequadas a cada etapa do aluno. Enquanto na educação infantil a presença da família dentro da escola é alta, ao longo dos anos a participação dos pais vai tomando uma posição diferente, mais como um apoio – mas não menos importante ou necessário.

Nos primeiros anos escolares, é fundamental que a escola permita a visita dos pais em sala, seja por meio de pequenas apresentações ou naquela conversa informal na entrada ou saída dos alunos. Sempre de maneira discreta, estimulando a autonomia da criança. “Quando se inicia o Ensino Fundamental e a tarefa escolar já é mais sistematizada, a presença familiar pode ser especialmente notada no acompanhamento do desenvolvimento e da evolução da aprendizagem, por meio das atividades e lições que são enviadas para casa”, conta a psicóloga.

IsCool App, mais que comunicação

Nova campanha mostra como o aplicativo tem se tornado uma ferramenta de aproximação e extensão da rotina de pais e filhos

Capa_ IsCool App Aproxima

Se você perguntar a pais e mães sobre o que mais sentem falta na relação com os filhos, dez entre dez dos pesquisados responderão “tempo”. Com a agenda dividida entre trabalho e família, nem sempre a balança de tarefas está equilibrada e a sensação é de que o tempo acaba passando mais rápido.

Mais que um aplicativo que substitui a agenda física de recados e comunicados, o IsCool App é a peça que faltava para suprir esse tempo que se perde no meio da correria do dia a dia, é a chance de se conectar com os filhos de diferentes formas e não perder nenhum capítulo importante. Para os pais mais atarefados, é a chance de se aproximar, de estar mais presente e ajudar a decidir simples detalhes do contexto de educação dos pequenos.

Pensando nisso, o IsCool App lança a campanha #iscoolapproxima, um trabalho que intensifica a extensão do amor, carinho e cuidado por meio da tecnologia. Com recados recheados de fotos e informações sobre os filhos em tempo real, o IsCool App promove o que sabe fazer de melhor: comunicar, para aproximar.

“O meu filho está em uma fase de descobertas e, com o

Iscoolapproxima iscool app bruna fontana
Bruna e o filho Bryan, de três anos

IsCool App, que me traz informação em tempo real, eu me sinto parte desses momentos. Eu não preciso esperar até o final do dia para saber se meu filho comeu direitinho, tirou a soneca e fez todas as atividades. E é uma delícia dar uma pausa na rotina agitada e ser mimada, com uma foto dele em plena sala de aula, é puro orgulho”, explica Bruna Fontana, mãe e usuária IsCool App que estampa o primeiro vídeo da série.

Nosso canal do YouTube já tem o vídeo coma Bruna e seu filho. Clique aqui e emocione-se também.

 

Mais que mil palavras

#iscoolapproxima irá contar a história de outros pais que, assim como a Bruna, entendem que a tecnologia conta a favor dos sentimentos. Com as ferramentas corretas e preocupação em se tornar cada vez mais interativo, o IsCool App se destaca no mercado indo além de uma simples ferramenta que facilita a vida de professores e leva sustentabilidade aos colégios. IsCool App é a extensão do melhor sentimento que une pais e filhos.

Aproxima Branco

Colégio Moraes tem engajamento recorde e constata mudanças positivas com o IsCool App

Apresentando quase 100% de adesão dos pais e alto índice de aproveitamento desde o início deste ano letivo, colégio da cidade de Americana destaca o uso do aplicativo como ferramenta essencial na gestão escolar

colegio-moraes-iscool-app
Colégio Moraes tem engajamento recorde ao IsCool App; resultado é fruto do empenho da equipe em construir um relacionamento bem próximo de alunos e pais

Abrir agenda por agenda, conferir anotações, escrever recados, contar o número de alunos e recontar as agendas. Todos os dias. Mais de uma vez ao dia. No Colégio Moraes, da cidade de Americana, essas cenas ficaram no passado. Desde o início deste ano letivo, a instituição adotou o IsCool App como plataforma de comunicação com os pais dos alunos, promovendo uma verdadeira revolução na rotina diária de todos os envolvidos.

A primeira grande mudança foi justamente no engajamento dos pais, peças fundamentais no rendimento escolar dos estudantes. Hoje, o colégio conta com 99% de adesão ao aplicativo de pelo menos um responsável de cada aluno (objetivo é chegar a 100% em pouco tempo), um número bastante considerável, mas que nem sempre foi assim. “A grande dificuldade com a agenda física era termos a certeza de que os pais visualizavam o recado. Com o IsCool App temos esse feedback, isso me conquistou”, afirma Maressa Olgerts Avot de Camargo, diretora pedagógica do Colégio Moraes.

Mais que organizar a comunicação, o IsCool App promoveu inúmeros outros ganhos, como a economia de papel e a própria redução de tempo dos professores em sala, como completa Maressa: “A nossa rotina de agenda mudou por completo. O envio de informações ficou mais ágil e não existe mais aquela demanda de impressões diárias de cardápios e recados, por exemplo. Tem, ainda, inúmeras funções que favorecem o desempenho do nosso dia, como fornecer uma visão geral do andamento da escola”.

 

A razão do sucesso

Os números obtidos pelo Colégio Moraes vão muito além do simples uso de uma ferramenta eficaz como o IsCool App. Na verdade, o aplicativo potencializa os esforços da escola em transmitir para os pais a preocupação com a qualidade do ensino e o cuidado com as crianças.

“O primordial é cultivar a parceria entre família e escola, ter os pais como nossos aliados para um bom rendimento escolar. A possibilidade de ter um canal direto com o professor traz mais respaldo e proximidade aos pais”, explica Maressa.

A dose de criatividade fica por conta da frequência com que a agenda é alimentada e do

colegio-moraes-iscool-app-personas
Para a professora Tábata Hudson Santos, o IsCool App facilitou a rotina

conteúdo publicado. “O Iscool App facilitou bastante. Ao abrir o site, já visualizo as mensagens enviadas pelos pais e respondo de maneira muito simples. Para marcar a rotina diária, não preciso ficar abrindo e fechando as agendas, basta clicar no aluno e selecionar os eventos que ele participou. Consigo também realizar mais comentários sobre a rotina dos alunos na escola”, conta Tábata Hudson Santos, professora no colégio, sobre como o IsCool App trouxe praticidade e economia de tempo.

 

Para os pais, essa dedicação dos professores faz toda a diferença. “Me sinto mais próxima da minha filha, por exemplo, ao meio dia, quando sou informada de que ela comeu bem. Também recebemos fotos do que estão fazendo no exato momento da atividade, isso é o máximo para qualquer mãe”, afirma Priscilla Mara Fachini, mãe de um dos alunos do Moraes.

 

Palavra de mãe

E se a comunicação só é possível quando mais de uma pessoa participa da conversa, então os pais também ganharam papel de destaque como agentes das mudanças. Eles testaram e aprovaram a nova ferramenta. “Na minha opinião, o IsCool App foi a melhor

colegio-moraes-iscool-app-personas-1
A mãe Priscilla, que adorava a agenda física, já se diz fã do IsCool App

coisa que a escola fez. Para mim, que sou apegada com agendas físicas, o IsCool App surpreendeu! Amei. Ele representa praticidade, pois posso consultar de qualquer lugar, sem a necessidade de estar com o papel em mãos. E tb consigo falar com a professora no mesmo dia, não preciso esperar o dia seguinte”, exemplifica Priscilla.

 

 

Mais

Clique aqui e confira em nossa página do YouTube o depoimento da diretora do colégio Moraes sobre a escolha do IsCool App e as mudanças ocorridas na gestão escolar.

post-destaque-colegio-moraes
A diretora pedagógica do Colégio Moraes, Maressa Avot de Camargo, conta que o IsCool App se tornou ferramenta importante na gestão da comunicação escolar