ESG: por que é tão importante na gestão escolar?

Direto do mundo dos negócios para sua escola, o ESG pode valorizar seu colégio; entenda mais a respeito desse termo tão falado nos dias de hoje

Quem acompanha as tendências e notícias sobre negócios certamente já ouviu falar sobre a sigla ESG. Por isso, hoje vamos mostrar como essas três letras impactam também os resultados das escolas e não só do mundo coorporativo.

ESG significa Environmental, Social and Governance. Traduzidas ao português, remetem às práticas ambientais, de responsabilidade social e de governança, respectivamente.

Apesar de estar em alta, segundo o Pacto Global da ONU (Organização das Nações Unidas), a sigla surgiu em 2004. Teria sido apresentada em uma “provocação” do secretário-geral da ONU, Kofi Annan, direcionada aos CEOs de grandes empresas.

Na ocasião, seu objetivo foi mostrar que, com as práticas, todos têm a ganhar: tanto a sociedade quanto as empresas.

Portanto, o ESG na instituição de ensino também pode beneficiar a gestão. Acompanhe para saber mais e aproveitar as vantagens de implementar iniciativas ambientais, sociais e de governança no dia a dia escolar.

Por que o ESG se tornou importante nas empresas e nas escolas?

No mundo de hoje, gestores entendem que a aplicação de práticas ESG traz diversos benefícios até mesmo nas escolas. Elas ampliam a competitividade, bem como promovem a redução de custos; também deixam as equipes mais preparadas para enfrentarem cenários incertos ou casos de vulnerabilidade, como lista o Pacto Global.

Além disso, tornar o ESG uma realidade na escola contribui com a imagem da instituição frente aos responsáveis dos estudantes, os próprios alunos, colaboradores e até mesmo possíveis investidores, fortalecendo a reputação.

Para completar, a tomada de decisão da gestão se torna mais produtiva e eficaz quando baseada em questões ambientais, sociais e de governança. É por isso que o ESG na escola se tornou tão importante quanto no mundo dos negócios.

ESG na gestão escolar: como aplicar?

Existem muitas formas de aplicar o ESG na escola. A seguir, listamos as principais práticas que, quando realizadas, tornam a gestão mais sustentável, socialmente responsável e ainda otimizam os processos e relacionamentos internos.

Meio ambiente

Uma das formas de tornar o ESG na escola uma realidade é realizando práticas ambientais, que promovam a sustentabilidade. Para isso, a gestão deve assumir abordagens preventivas, visando à superação de desafio.

Incentivar a reciclagem e o reuso de materiais já é um começo. Além disso, a escola pode criar comunicações que promovam essa responsabilidade ambiental entre colaboradores e estudantes. Outra forma de atender a esse pilar do ESG na gestão escolar, é utilizar tecnologias que modernizam processos e evitam a poluição, por exemplo.

Nesse sentido, indicamos o IsCool App, que contribui com a redução do uso de papel impresso por meio da digitalização de diversas etapas da gestão. Essa tecnologia que possibilita a comunicação remota ainda contribui com a redução do deslocamento dos responsáveis até a instituição, evitando, assim, a emissão dos gases poluentes emitidos por veículos.

Falando nisso, gestor, você sabe qual é a Pegada Ecológica da instituição? É que isso impacta diretamente o ESG da escola. Pegada Ecológica é uma metodologia que possibilita calcular os impactos ambientais de cada atividade realizada. Neste conteúdo da ONG (Organização não-governamental) WWF-Brasil, você pode aprender mais a respeito.

Responsabilidade social

Continuando, é a vez de agir com ações focadas na responsabilidade social. Nesse sentido, a escola pode realizar atividades que promovam o respeito, apoio aos direitos humanos, bem como ofereçam oportunidades para minorias da sociedade.

São iniciativas de responsabilidade social da escola, por exemplo, ações de bolsas de estudo, projetos para arrecadação de alimentos e itens de higiene para entidades que atendem pessoas carentes, entre outras que beneficiem a comunidade em que a instituição está inserida.

Afinal, como observado nesse conteúdo do portal Escolas do Bem, do Instituto Noa, a sociedade tem vivido mudanças aceleradas fora do muro das escolas, mas que impactam diretamente a rotina interna. Logo, a percepção das pessoas sobre a necessidade de realizar práticas solidárias também aumenta.

Em uma pesquisa realizada pela instituição, 80,3% dos responsáveis de estudantes concordam que, quando a escola participa de um programa de responsabilidade social, contribui com a construção de uma cidade melhor.

Governança

O termo governança é bastante comum no universo corporativo e pode ser usado no dia a dia da gestão escolar quando o assunto é ESG. Esse conceito define a forma como a instituição é administrada, compreendendo sua missão, valores e propósito e como são colocados em prática entre os colaboradores.

Para uma boa governança, os gestores devem realizar práticas baseadas na transparência que promovam o diálogo interno e a comunicação da instituição com o público externo. A troca de feedbacks entre as pessoas que integram o ambienta escolar é uma prática de governança, por exemplo. Outra forma de aplicá-la na gestão é promovendo a análise e atualização de processos, visando à melhoria contínua.

Recentemente, falamos aqui no Blog do IsCool App sobre compliance para escolas e como isso contribui com a gestão escolar. Esse assunto também é um exemplo que integra o conceito de governança.

Na sala de aula

Sabemos que ESG é um assunto bastante sério. Afinal, teve origem em um contexto empresarial. Mas isso não significa que deve ficar fora das salas de aula.

Abordar essa sigla com os estudantes permite prepará-los melhor para o futuro, uma vez que o ESG na escola amplia a visão das pessoas sobre como preservar o porvir. Isso porque o conceito envolve todas as pessoas do ambiente de ensino e só se torna real quando cada uma faz a sua parte.

Então, cabe também aos gestores orientarem professores a realizarem atividades que expliquem e discutam essas práticas no dia a dia dos estudantes.

Por fim, com esse conteúdo sobre ESG na escola, esperamos que sua gestão conquiste ainda mais preparo para acompanhar as tendências do mercado, incluindo da educação.

Continue acompanhando as publicações para se antecipar às novidades e atualizar sua administração!

Deixe uma resposta